Visualize o seu trabalho.

  • 9
  •  
  •  
  •  

 

Oi, pessoal,

Aqui no pub começamos a escrever mais sobre o Kanban e contando com a ajuda da fera Natália Manha para cada vez mais explorar nesse tema. Ainda nesse clima, estou lendo o livro do David J. Anderson e Teodora Bozheva, Kanban Maturity Model – Evolving fit-for-purpose organizations. No qual está gerando vários insights. Desde recordar momentos de alguns times que já passei à coisas que ainda preciso aprender e ainda não sei como. Sinceramente, recomendo a leitura.

Kanban Maturity Model - Evolving fit-for-purpose organizations

Kanban Maturity Model – Evolving fit-for-purpose organizations

Dentre os insights, veio o post da semana. Não vou explicar sobre o modelo de maturidade, conhecido também como KMM – Kanban Maturity Model, pois será um tópico de outro post. O livro manda bem. Gostaria de reforçar as práticas gerais do Kanban. Hoje o foco é Visualize o seu fluxo de trabalho.

Para mim, essa prática tem um objetivo óbvio: prover visibilidade do trabalho e seus passos(fluxo) para as pessoas que participam diretamente ou indiretamente da cadeira de valor. Os autores do livro do KMM exploram outros objetivos que eu não sei se fica claro para todo mundo. Exemplo, quando você expõe o seu trabalho na parede, você tangibiliza algo que é abstrato ou algo tão mecânico do seu dia-a-dia que o seu cérebro é obrigado a parar e observar aqueles post-its coloridos que começaram a estar bem na sua cara momento Anitta e  Pablo Vittar. Isso provoca um engajamento ou incômodo instantâneo, não é?!

Recomendo você Scrum Master, Agile Master, Agile Coach, Agile XPTO aproveitar esses estímulos emocionais para organizar a casa. 

Quando o time começa a perceber que tem entendimentos diferentes sobre tipo de demanda ou de como o fluxo funciona ou quando a quantidade de post-its está acumulado há dias na mesma coluna. É o momento certo para provocar o time a colaborar , buscando melhorar a empatia e, assim, promover o momento de melhoria contínua. Conforme o tempo, aqueles post-its serão fontes ricas para indicar possíveis riscos ou facilitar tomadas de decisões onde todos possam compreender o que está acontecendo, permitindo que os participantes daquele fluxo estejam alinhados, diminuindo a dependência ou atrito entre eles.

Voltemos ao exemplo de quantidade de post-its em uma coluna, caso esses post-its sejam demandas com data fixada e conforme mais tempo eles mofam naquela coluna, aumenta o risco de não atingir a data definida. O time terá que tomar decisões para atingir o objetivo definido para aqueles post-its, seja identificar quais são as causas raízes da ausência de movimentação, trazendo à tona processos invisíveis ou até mesmo sensíveis. Também pode ser um caminho para focar em ajudar as pessoas que atuam naquela coluna, o que pode levar  a pensar em outras possibilidades de realizar o mesmo trabalho.

Agora você me diz:

Ok, Jana! Adorei esse blá blá blá, mas no meu dia-a-dia é complicado fazer esses posts-its estarem na parede, imagine gerar todos esses benefícios que você comentou.

Sugestão simples que tenho a lhe dar, comece com o seu Kanban pessoal, com as famosas colunas “To Do”, “Doing” e “Done”. Utilize e procure aplicar as práticas para você e assim compartilhe com os coleguinhas os benefícios que você sentiu e percebeu durante essa experimentação. Alguns colegas de trabalho poderão apostar em experimentar com você essa aventura chamada Kanban. #sploiler #MaturityLevelZero. Lembrem-se mudanças levam tempo para ocorrer, qual é o primeiro passo que você pode fazer em direção da mudança? Faça de acordo com seu ritmo.

Agora você que passou dessa fase, vamos continuar conversando no slack agilidade.org. Lá todo mundo aprende com as dúvidas dos outros.

Abraço.

 

Showing 3 comments
  • Juliana Marcantônio
    Responder

    Gostei da ideia! Comecei a estudar metodologias ágeis e essa ideia do Kanban em casa é magnífica pra colocar para colocar esta técnica em prática! Obrigada!

    • Jana Pereira
      Responder

      Show!!! qualquer dúvida sobre o que você está estudando, pode contar conosco .. adoramos trocar uma ideia. Abraço

  • Anderson Borges
    Responder

    Parabéns Jana, muito legal seu artigo!

Leave a Comment