Retrospectiva com Kata

O ano já começa com as velhas novas promessas de início de ano, não é mesmo?! Hoje tenho uma sugestão de ferramenta para ajudar a renovar: retrospectiva com kata.

Em  princípio, vi essa ferramenta no livro Toolbox for the Agile Coach – Visualization Examples, How great teams visualize their work de Jimmy Janlén, porém pude por em prática com a ajuda do colega Geraldo Farias. A ferramenta se chama Improvement Theme, a qual você pode utilizar para você mesmo após aquele feedback recebido ou em retrospectiva para o time definir os planos de ação.

Este livro possui ferramentas visuais muito interessantes, simples e práticas para um facilitador propor para o seu time, experimente alguma.
Como utilizá-la?

numero-1

Theme:

Em primeiro lugar, defina o tema que você deseja trabalhar, qual o assunto a ser melhorado para você ou time. Segue um tema pessoal:

 Ser mais didática em minhas explicações.

numero-2

Now/Problem:

Em seguida, descreva a situação atual ou o problema que ocorre. Ao mesmo tempo, seja bem claro nesse item, para entender o contexto que se encontra.

As pessoas ficam confusa com as explicações sobre conceitos por não apresentar muitos detalhes, oferecendo somente conceitos superficiais apesar de ter base para explorar mais informações.

numero-3

Definition of Awesome:

Como que você gostaria que a situação fosse incrivelmente sensacional. Quase uma utopia sobre a situação que você ou o time gostaria estar.

Um dia ao apresentar conceitos básicos de forma segura e simples, para que as pessoas pudessem ter com o conhecimento consolidado e aproveitoso que as motivassem a sair da conversa com interesse em aplicar imediatamente tudo o que foi repassado por mim.

numero-4

Next Target Condition:

Em x semanas a partir de agora, que ações concretas e realistas podemos fazer para estarmos cada vez mais próximo do item “Definition of Awesome“? Seja sincero consigo mesmo ou com o time. Defina bem esse x, será um timebox para você conseguir novos hábitos, sugiro de 4 a 6 semanas.

Em 4 semanas, estudar métodos de aprendizagem para interagir melhor com as pessoas. Para que eu possa fazer uma apresentação de 25 min para poder organizar melhor as ideias.

numero-5

First Steps:

Em seguida, defina três tarefas pequenas para descrever os primeiros passos a serem realizados para atingir um dos itens da condição alvo.

Realizar um curso de facilitação de retrospectivas dentro do time.

Os exemplos oferecidos são de um caso pessoal, porém dentro do time, você pode começar coletando os itens que aconteceram na  última interação e sugerir para o time focar no item que mais impactou negativamente para o time. Dessa forma, fica mais fácil definir um tema específico.

Explorando o kata

Para o passo 2, sugiro que o cada um do time escreva como entende sobre o situação atual do problema e com a ajuda de todos, resumir em alguns tópicos o entendimento. No passo 3, oriente que cada um do time escreva como que gostaria que fosse a situação e como seria o sentimento deles para essa situação utópica. Novamente resuma em tópicos.

Deixa a imaginação rolar durante essas etapas.

Já no passo 4, estabeleça com o time o número de semanas para começar a aplicar a melhoria, agora com itens factíveis. Com o intuito de evitar sugestões vagas, gosto de aplicar o conceito de SMART para esse passo. Por fim, estabeleça as três tarefas iniciais para poder atingir as condições desejadas.

Para que esse quadro atinja o seu verdadeiro objeto, ele deve ser revisitado de tempos em tempos. Posto que um plano de ação é um pequeno experimento, precisamos avaliar como está indo o mesmo. Só para exemplificar, se o time decidiu que em 6 semanas começariam a ter uma situação diferente da atual, portanto, como uma boa prática, revisar semanalmente poder ser um bom começo para saber se as ações estão indo na direção proposta.

Até que o passo 4 seja atingido, você ou o time pode realimentar o passo 5 com outras tarefas. Assim trabalhando em baby step será mais fácil para atingir seus objetivos.

No passo 5, você pode variar a quantidade de tarefas. Para mim, o número três é uma quantidade suficiente para começar a focar.

Ilustrando

Essa ferramenta é baseada no Toyota Kata, muito utilizado nos conceitos de Lean para aprimorar a cultura de melhoria contínua. Só para ilustrar mais o conteúdo, segue um vídeo em inglês que explica os passos do Improvement Kata muito fofo!:

Abraço

Comentários
    pingbacks / trackbacks
    • […] mais incisivo nas suas hipóteses! Lembre-se: O LT deve refletir a sua realidade. Procure utilizar retrospectivas para melhorar o seu fluxo e meça-o para ver se está sendo efetivo ou […]

    Deixe um Comentário

    Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar