Papel do Product Owner

  •  
  •  
  •  
  •  

Oi pessoal,

Hoje no nosso Agile.Pub, vamos falar sobre Product Owner(PO) – “O” Dono do Produto. Quem ele é? Onde ele vive? O que ele come?

O PO é responsável por garantir e maximizar o retorno sobre o investimento (o famoso ROI)  no produto para os clientes, e valor do trabalho do time de desenvolvimento. Afinal, se está sendo feito um investimento de esforço, energia ou financeiro, é esperado que este investimento seja maior ou equivalente para o seu investidor, isso me lembrou uma lei de Newton.

O Scrum orienta que o PO possa definir o produto e tomar as decisões de negócio relativas ao seu investimento, priorizar e detalhar as funcionalidades, conforme a necessidade do produto alinhada com os clientes e partes interessadas, dando origem ao Product Backlog do produto. Também conhecida como lista de funcionalidades do produto, de maneira bem grotesca.

Há casos que o item do backlog nem sempre é uma funcionalidade, pode ser parte de uma funcionalidade ou até mesmo uma atividade técnica do time. Enfim, isso é assunto para um post.:)

Para atingir as expectativas das partes interessadas, o PO deve compreender as necessidades do negócio e do mercado, saber ou conseguir extrair as informações para ter antemão o que se esperam do produto, assim podendo gerar a definição da visão do produto. Essa visão é construída de forma colaborativa com os clientes e partes interessadas, e é responsabilidade do PO, comunicá-la a todos os envolvidos e garantir que o produto a ser desenvolvido siga nessa direção.

O PO também gerencia as Releases (entregas) do produto para os clientes. Isso envolve a definição de estratégias que ofereçam resultados de valor ao produto juntamente alinhados com a visão. Para isto, a cada planejamento de sprint são definidas metas pelo time scrum (relembrando, envolve o time de desenvolvimento, PO e Scrum Master) alinhadas com essas estratégias. E ao final da sprint, na reunião de Sprint Review, o PO tem a responsabilidade de aceitar ou rejeitar as entregas do time de desenvolvimento com base na meta definida.

Você sabia que só o PO pode cancelar uma sprint?!

O PO deve ser uma figura presente tanto para o cliente como para o time de desenvolvimento. Desta forma, estando disponível para para tirar dúvidas, redefinir, reordenar, refinar, atualizar e aprimorar o Product Backlog. Seja antes, durante e depois de um sprint. Assim, consolidando o feedback sobre o produto e gerenciando as expectativas das partes envolvidas, o que alimenta e evolui a definição das estratégias de negócio sobre o produto.

O PO é o único que pode alterar o Product Backlog, contudo a contribuição do time para aprimorar o backlog sempre é bem-vinda!

Conversando com o Alexandre Amorim sobre Product Owner, ele comenta que um bom PO deve também saber simplificar, fatiar e descartar as funcionalidades balanceando o ROI, ou seja, definir estratégias para que o produto seja construído de forma interativa e incremental agregando valor a cada release para o usuário final.

Ressalto que o Product Owner  não deve ser considerada a figura mais importante ou com maior destaque no Scrum, pois o  trabalho em time é que faz a diferença no resultado. O time de desenvolvimento tem a responsabilidade de auxiliar o PO em decisões técnicas. O Scrum Master orienta o PO para estar focado nas boas práticas do Scrum e também para auxiliar nas atividades descritas acima. Com o equilíbrio, colaboração e transparência entre os papéis do Scrum, as chances do projeto alcançarem o sucesso tornam-se maior.

Relembre o post sobre valores do Scrum que reforça essa ideia.

Particularmente, definiria o Product Owner como um facilitador estratégico do produto.  Ele deve ser capaz de se comunicar frequentemente com diferentes pessoas, apresentando a mesma mensagem de diversas formas, com o objetivo de cumprir o esperado para o produto em desenvolvimento. E um dos pontos que ajudam é o seu conhecimento sobre o negócio, o que permite a ser o diferencial para o produto.

Agile Product Management with Scrum

Agile Product Management with Scrum

Definir o conceito de PO e entender o que se espera dele é simples, mas a prática NOSSA! é um trabalho e tanto. Infelizmente, não tenho receita de bolo para explicar como o Product Owner  deve fazer o seu trabalho. Às vezes, isso é uma questão de perfil da pessoa, maturidade sobre o negócio, enfim há variáveis demais a serem consideradas. Portanto, segue umas sugestões para você fazer o seu melhor como PO!

Um livro que o Alexandre Amorim recomenda para ser um bom PO é o Agile Product Management with Scrum de Roman Pichler. Achei bem interessante esse webinar com o Roman Pichler – é em inglês – falando sobre o papel do PO.

Também relembrem alguns de nossos posts que podem lhe ajudar: PBBAgile UX, Design Thinking, A arte da priorização, Learning Canvas  UAU, tem muito post legal.

É isso pessoal, abraços!

Showing 4 comments
  • Carlos Mar
    Responder

    Muito bom o post, Jana! :-). Esse livro do Roman Pichler é excelente (na minha opinião). Concordo com você quando fala que não dá para escrever uma “receita de bolo” e dizer que é assim que se faz o trabalho de P.O. É um exercício e aprendizado diário :-).

    O blog tah massa…

    • Jana Pereira
      Responder

      Concordo, a prática e melhoria contínua nos faz aprender todos os dias.

      Seu feedback é extremamente importante para nós. =D

      Obrigada, Carlos.

  • Ewerton Ferreira
    Responder

    Muito bom! Pretendo me certificar como P.O.

Leave a Comment